Pesquisar este blog

DESTAQUE

A CIÊNCIA DO ERRO | Sobre Verdades, Veracidade e Realidade Objetiva - Parte 1: Uma resposta a Marcelo Gleiser

A CIÊNCIA DO ERRO Sobre Verdades, Veracidade e Realidade Objetiva Parte 1:   Uma resposta a Marcelo Gleiser Dedicado ao me...

domingo, 27 de outubro de 2013

Quase '50'...



Quase 50 anos... Visitei o mundo, convivi com os seus povos, emergi em meio à muitas confabulações culturais... Agora, aqui, busco um encontro há muito postergado... Quero estar comigo, saber quem sou, para ser de propósito... Seleciono com melhores critérios os momentos de dispersão onde professo minhas relações públicas e privadas... Só quero estar com quem queira estar comigo - seguindo o aconselhamento de Garcia Marques... 'Só quero saber do que pode dar certo, não tenho tempo a perder', diz a canção... 

Na companhia de Chopin, Segóvia, Hitchens, Paine, James, Watson, Crick, Sagan... mergulho em meus livros, os livros que preciso 'parir'... E é só por hoje... Uma brisa gostosa refresca a minha mente, e já não posso parar...

ESTE É O PRIMEIRO DIA DO RESTO DE MINHA VIDA...

Carlos Sherman

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Philip Pullman: Ninguém tem o direito de viver sem ser ofendido (Legendado)

Criança explica porque não devemos comer os animais

Um 'Rabaçal' de IGNORÂNCIA, SOBERBA E CINISMO...




Um famigerado SPAM vendendo 'Curso de Hebraico Bíblico - a língua de deus', circulou pelo Facebook...

Um tal Cintia Rabaçal de Barros, desenvolveu o seguinte argumento falacioso - ad antiquitatem -, com 'arzinho' soberbo, arrogante, irônico - para não dizer cínico: 

"Beeem... com todo o respeito, mas ler estes comentários é assustador! Em pleno séc. 21 parece que AINDA não aprendemos a respeitar escolhas, pensamentos, culturas e individualidade dos outros. Tem gente demais olhando para o próprio umbigo... Aprender NUNCA é demais, nunca é perda de tempo. A Bíblia (sagrada ou não) é um dos documentos mais antigos sobre a história da humanidade e o ÚNICO em uso permanente. Quem sabe o aprendizado do hebraico bíblico proporcione às pessoas a oportunidade de conseguir enxergar o que está RELATADO ali, claramente, COM TODAS AS LETRAS; as pessoas não veem porque não querem."

QUANTA ASNEIRA... Cintia, "absurda" é sua ignorância... Mas quem nada sabe em tudo crê... Você já leu este manual à morte, conhecido como 'Bíblia Sagrada'??? Já leu??? Leia... E continue recomendando se for capaz, e se o seu estômago não estiver suficientemente embrulhado com tanto sangue... Racismo, sectarismo, intolerância de credo, xenofobia, misoginia, genocídios, infanticídios, HUMANICÍDIO...

A ignorância bíblica depende diretamente do grau de ignorância e limitações neurais de quem 'lê'... E quando lê aquele que 'Cintia' considera "o ÚNICO [documentos mais antigos sobre a história da humanidade] em uso permanente"... Pois este não é o documento mais antigo 'sobre a História da Humanidade', e nem é um relato histórico, não sendo também o mais antigo... Estude... As Instruções de Shurupakk é apenas uma primeira dica - cujas lendas e mitos inspiraram as lendas e mitos bíblicos... E a Bíblia não é mais documental do que a 'Ilíada' e a 'Odisseia' - atribuídas a Homero - e propagadas no mesmo período, ou que 'Os Senhor dos Anéis' de  J. R. R. Tolkien - sendo Jesus uma espécie de Hobbit fanático e psicótico...  

-------------------------------------

Segue a minha resposta padrão à 'ABSURDA' propaganda acima sobre cursos de 'hebraico bíblico' - NO TERCEIRO MILÊNIO... Não posso me furtar de ser irônico, sendo este o recurso cômico de quem PENSA e sabe sobre a ignorância reinante:

Fiquei 'muito excitado' com a possibilidade de em aprender a 'língua de deus'... Não é o máximo? Não tardei em enviar os seguintes comentários:

Considero fundamental... Será maravilhoso ler no hebraico, na 'língua de deus', certas passagens bíblicas como por exemplo: 

"Então saiu fogo do SENHOR, e consumiu os duzentos e cinqüenta homens que ofereciam o incenso. Números 16:35"

Assim poderei conhecer o verdadeiro sentido desta pérola bíblica... Afinal, será que fogo é fogo mesmo? Consumir quer dizer matar? E incenso é somente aquele 'pauzinho' vendido por Hare Krishnas, e que serve como odorizador de ambientes??? Não pode ser!!! Mas ler no hebraico será um 'benção' para entender o propósito bíblico... Ou poderei sanar algumas dúvidas sobre o 'deus de amor' ser um SENHOR DOS EXÉRCITOS, como nesta 'linda passagem': 

"Porque assim diz o SENHOR dos Exércitos: Como pensei fazer-vos mal, quando vossos pais me provocaram à ira, diz o SENHOR dos Exércitos, e não me arrependi," - Zacarias 8:14 

O que Zacarias quis dizer com 'exército'? Exército é exército em hebraico'??? Do tipo que luta, mata? E ira? Será muito importante ler em hebraico passagens como essa: 

"Odeio-os com ódio perfeito; tenho-os por inimigos." - Salmos 139:22 

Ódio é ódio mesmo? 

"Disse o SENHOR a Moisés: Toma todos os cabeças do povo, e enforca-os ao SENHOR diante do sol, e o ardor da ira do SENHOR se retirará de Israel. Números 25:4"

Lindo... Mas forca é forca mesmo? 'Ira do Senhor'? Como será que se escreve em hebraico? 

Sobre leprosos serem 'imundos', a leitura em hebraico deve esclarecer sobre porque 'deus' - o senhor dos senhores -, criador do universo, desconhecia sua própria criação, neste caso o bacilo causador da lepra (?); e porque insiste em ofender e humilhar pessoas que já sofrem o bastante com esta severa doença - inventada pelo 'criador'...

"Quando um homem tiver na pele da sua carne, inchação, ou pústula, ou mancha lustrosa, na pele de sua carne como praga da lepra, então será levado a Arão, o sacerdote, ou a um de seus filhos, os sacerdotes. E o sacerdote examinará a praga na pele da carne; se o pêlo na praga se tornou branco, e a praga parecer mais profunda do que a pele da sua carne, é praga de lepra; o sacerdote o examinará, e o declarará por imundo." - confiram em Levítico [13:1-3]

E tem a linda estória dos 'ursinhos': 

"Então subiu dali a Betel; e, subindo ele pelo caminho, uns meninos saíram da cidade, e zombavam dele, e diziam-lhe: Sobe, calvo; sobe, calvo! 
E, virando-se ele para trás, os viu, e os amaldiçoou no nome do SENHOR; então duas ursas saíram do bosque, e despedaçaram quarenta e dois daqueles meninos." - 2 Reis 23:24

Os ursinhos que, a mando de deus, trucidaram 42 garotinhos, apenas porque chamaram um homem de careca... Então poderei saber se urso é urso mesmo... Despedaçar é cortar em pedaços? E 'quarenta e dois daqueles meninos', é uma metáfora? Ou significa apenas a contagem dos corpos mutilados???

Carlos Sherman

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Heraldo Do Monte - Doçura

Mais sobre 'tornar-se ciente pela prova'...



O Brasil, ou melhor, um brasileiro, ou seria mais correto dizer ‘um ex-brasileiro’, foi agraciado com ‘um’ Prêmio Nobel... Peter Brian Medawar nasceu brasileiro, em Petrópolis, em 28 de fevereiro de 1915; mas morreu em Londres, em 2 de outubro de 1987, como britânico... Medawar foi excepcional por muitos motivos, e seu talento foi reconhecido com o Nobel de Fisiologia/Medicina em 1960, por pesquisas relacionadas ao sistema imunológico nos animais....
 Com a Segunda Grande Guerra, e o salto tecnológico em armamentos, os horrores foram sentidos no aumento alarmante de vítimas com queimaduras graves... A descoberta da penicilina, em 1928, por Alexander Fleming - Nobel em 1945 - os antibióticos passaram à linha de frente no combate às infecções, aliviando o ‘sofrimento humano’... Peter Medawar trabalhou com assistente de Fleming, tendo um papel decisivo em seu trabalho...
A perda da nacionalidade brasileira decorreu de uma intransigência do então ministro da Guerra, General Eurico Gaspar Dutra, em função do serviço militar obrigatório... Medawar serviria melhor à humanidade em Oxford, onde cursou zoologia, dedicando-se à questão dos enxertos de pele, cujos resultados mostravam claramente que auto-enxertos eram bem tolerados pelo organismo, em detrimento de aloenxertos... Medawar foi um grande cientista, e outro gigante da humanidade – e ex-brasileiro...
Neste contexto, Medawar deixa o seu recado:

[...] uma concepção imaginativa do que poderia ser verdade é o ponto de partida de todas as grandes descobertas científicas.

Isso é verdadeiro, mesmo quando podemos ‘falsear’ ou refutar um argumento, uma premissa, ou todo o enunciado... É disso que se tratar ‘fazer Ciência’: torner-se ciente pela prova – ou partir pra outra...

O vigoroso e genial físico Richard Feynman (1918-1988) - ganhador do Nobel em 165, o ano em que nasci – explica que:

Um princípio de pensamento científico corresponde a uma espécie de honestidade incondicional [...]

É esta honestidade incondicional ou ética, que reside no ceticismo científico, que confronta a vacuidade de crer... Isso porque as crenças se baseiam apenas na caprichosa, débil ou vã vontade de acreditar... Não se pode, de forma alguma, comparar as atitudes de 'tomar ciência ou tornar-se ciente' - da verdade -, com reconfirmar velhas ou novas convicções - crentes... Não se pode usar como desculpa a falibilidade assumida da ciência, para validar crenças... Uma verdade científica tem um prazo de validade e um universo de aplicação demarcado, assumidamente, e será sempre revisada, sendo esta a sua maior fortaleza - e não o contrário...
Ouçam Charles Darwin:

Falsos fatos são altamente prejudiciais ao progresso da ciência, pois muitas vezes resistem durante muito tempo; mas falsas hipóteses causam pequenos danos, já que todo mundo sente um salutar prazer em provar sua falsidade; e, quando isso acontece, um caminho para o erro é fechado e, ao mesmo tempo e freqüentemente, é aberta a estrada para a verdade.

Nas palavras de Ramachandra (‘Fantasmas no Cérebro’; 2010):

Que fantástico privilégio será para nossa geração — e a dos nossos filhos — testemunhar o que acredito que será a maior revolução na história da espécie humana: entender a nós mesmos. A perspectiva de fazê-lo é ao mesmo tempo aninadora e inquietante. Há algo distintamente singular acerca de um primata neóteno de pele lisa que evoluiu para uma espécie que pode olhar por cima do ombro e fazer perguntas sobre suas origens. E, mais singular ainda, o cérebro pode não só descobrir como outros cérebros funcionam, mas também fazer perguntas sobre sua própria existência: Quem sou eu? O que acontece depois da morte? Minha mente nasce exclusivamente dos neurônios em meu cérebro? É a peculiar qualidade recorrente destas perguntas – à medida que o cérebro luta para entender a si próprio, que torna a Neurologia Fascinante.
ENDERECEMOS A VERDADE... EXISTEM GRADAÇÕES DE ERROS, MAS NÃO PODEMOS INVOCAR A IRRESPONSÁVEL E CÍNICA 'RELATIVIZAÇÃO DO ERRO', COM O OBJETIVO DE IMPEDIR QUE A HUMANIDADE TRILHE MELHORES CAMINHOS EM DIREÇÃO AO FUTURO... CUIDEMOS DO PRESENTE, DESMASCAREMOS OS FALSOS PROFETAS... RESUMAMO-NOS À NOSSA CONDIÇÃO MARAVILHOSAMENTE IMPERFEITA, FRÁGIL, EMBORA EXCEPCIONAL... SOMOS A MEMÓRIA DO UNIVERSO...

Carlos Sherman
 

The Smiths - There is a light that never goes out

Imbecilidade Tem Limite???



Mais um post da 'séria série': IMBECILIDADE TEM LIMITE???

Desta vez endereçado à Rainha da Imbecilidade Nacional, Raquel Sherazade...

O PROBLEMA É ESSE... TODA PESSOA ACHA QUE TEM UMA OPINIÃO SOBRE TUDO... MAS ESCUTAR E APRENDER - PRIMEIRO - É UMA OPÇÃO... E ACONTECE QUE QUESTÕES FUNDAMENTAIS E COMPLEXAS TÊM RESPOSTAS COMPLEXAS, QUE UMA IMBECIL COMO SHERAZADE JAMAIS SERÁ CAPAZ DE 'TANGENCIAR'... E SEMPRE EXISTIRÁ UM BATALHÃO DE IGNORANTES PARA VALIDAR A IMBECILIDADE... 

E MAIS, A MAIORIA DAS QUESTÕES COLOCADAS POR 'ELA', E POR MUITOS, COMO SENDO 'EXISTENCIAIS', NÃO PASSAM DE QUESTÕES MAL COLOCADAS E INEXISTENTES... SIMPLES ASSIM... 

E APROFUNDO, 'A METAFÍSICA NÃO PASSA DE UM LOTE DE QUESTÕES MAL COLOCADAS', ASSIM COMO GRANDE PARTE DO QUE SE CONVENCIONOU ROTULAR E AGRUPAR COMO 'FILOSOFIA'... COM PLATÃO E ARISTÓTELES, POR EXEMPLO, TERÍAMOS UMA ENCICLOPÉDIA DE ASNEIRAS 'ACHOLÓGICAS'...

O DIVISOR DE ÁGUAS ESTÁ NO CÍRCULO DE VIENA, E A REVOLUÇÃO COMEÇOU CEDO, NA GRÉCIA, POR HOMENS COMO HIPÓCRATES, ARISTARCO, EPICURO... MAS FOI RETOMADA POR GALILEU E NEWTON, PARA CULMINAR COM A SEPARAÇÃO ENTRE O FINO EXERCÍCIO DA PENSABILIDADE E A MERA AUTORIDADE... O QUE SEPARA O MERO E VÃO 'CONSTRUCTO' DO PENSAMENTO ELEVADO, É A MOTIVAÇÃO DE TORNAR-SE 'CIENTE'... CIENTE PELA 'PROVA'... NÃO EXISTE OUTRA FORMA SENÃO 'PROVANDO' HIPÓTESES, E AFINANDO E CALIBRANDO A PRECISÃO COM A QUAL 'ENDEREÇAMOS' VERDADE...

EVIDENTEMENTE NEM SHERAZADE E NEM OS MUITOS 'FALADORES' DO FACEBOOK PODERÃO ENTENDER ESTA MENSAGEM, QUIÇÁ ENTENDER QUE DEVEM 'CALAR' ANTES DE VOMITAR ASNEIRAS, E POSTULAR CONVICÇÕES BASEADAS EM MENOS DO QUE 'NADA'... TEIMOSOS MIMADOS EXIGEM O DIREITO DE DIZER O QUE 'PENSAM', ANTES MESMO DE 'PENSAR', COM O MERO PROPÓSITO DE OCUPAR O PALANQUE E 'APARECER'... ASSIM FOI, ASSIM É, E ASSIM SERÁ...

O QUE PODEMOS FAZER É DENUNCIAR A ESTUPIDEZ, CIENTES DE QUE, COMO NOS ENSINOU CAMUS, 'ELA SEMPRE VENCE'... A ARROGÂNCIA DOS IMBECIS É INFINITA, E INTRÍNSECA, E RESIDE NA ESSÊNCIA DA IMBECILIDADE... ADIANTAR O QUE NÃO SE SABE, E ESPERAR SER OUVIDO E SEGUIDO... QUANTA ARROGÂNCIA!!!

E HÁ O DESESPERO DE CRER, PARA AQUELES QUE, NEUROLOGICA E SOCIALMENTE, NÃO PODEM, NÃO QUEREM, OU NÃO SABEM COMO ESPERAR PARA SABER... TRISTE DESTINO DOS ACÉFALOS APOLOGETAS... GRUPO NO QUAL SHERAZADE OCUPADA O POSTO DE RAINHA AO LADO DO REI: DATENA...

E POR AÍ VAMOS, COM 'JORGE MÁRIO' COMO 'CEO' DO MAIOR ARMÁRIO DO MUNDO, UMA FÁBRICA DE PEDÓFILOS... COM MALAFAIA, MACEDO, SANTIAGO, MIRANDO, 'LOS HERNANDEZ', SOARES, ENTRE OUTROS FACÍNORAS INFESTANDO A CENA DO ESTELIONATÁRIO 'AUTORIZADO' NACIONAL... ISSO TUDO ENQUANTO AMARGAMOS UMA MONARQUIA PETISTA, E UM PARLAMENTO DE BANDIDOS 'À LUZ DO DIA', ESCONDIDOS APENAS POR SEUS 'VOTOS SECRETOS'... E A SUPREMA CORTE SOMA PARES, DESIGNADOS PARA A MISSÃO DE AMORDAÇAR O CLAMOR POR JUSTIÇA E VERDADE...

SHERAZADE PODE SER TÃO OU MAIS IMBECIL, MAS NÃO PODE SER MAIS NOCIVA... AFINAL, COMO NAS 'MIL E UMA NOITE', SHERAZADE IRROMPE EM 'CONTOS': “ERA UMA VEZ UM MÁGICO MUITO MALVADO...” - O CIENTISTA... 

POIS O CONHECIMENTO INSISTE, PERSISTE, RESISTE, PENETRA... SEMPRE... QUER SHERAZADE ENTENDA OU NÃO... SUAS FÁBULAS NÃO PODERÃO CALAR A VERDADE...

PENSO, LOGO RIO - OU CHORO...



Carlos Sherman

domingo, 20 de outubro de 2013

Imbecis por todos os 'credos' e 'descredos'...



Um IMBECIL, que se auto-define como 'Ivan Ateísmo Brilhante Jrs', passa a vida publicando mensagens como esta:

A dor que Jeová sentiu quando Jesus morreu foi a mesma dor que sentiu Lord Voldemort ao perder uma de suas horcruxes...

E um bando de imbecis aplaudem:

Cello Vieira Ominisphere kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Pois bem, não consultei a idade dos 'galhofeiros' acima, e se estão no Jardim de Infância, então pior para os pais destes pequenos imbecis... Aqui vai a minha resposta:

Que besteira... Não basta livra-se de crenças, é preciso saber o que fazer com esta tênue clareza... Ainda vai faltar TODO O RESTO...

Argumente, indigne-se, denuncie, proteste... Mas sem escárnio... Pode parecer que o seu único objetivo é tripudiar sobre a ignorância alheia... Aponte o caminho, mostre o que está errado, ajude, carregue nos braços...

Carlos Sherman

Onipotente...


ONIPOTENTE, INEXISTENTE OU CRIMINOSO???

MONSTRUOSO...

Carlos Sherman

Escalofriante...


E nem pensem em invocar justificativas como 'livre-arbítrio', 'punição', 'castigo' seus CALHORDAS!!! 

Assumam, cresçam, estudem, procurem tratamento...

Mas abram os olhos primeiro e encarem mais uma vez esta cena da REALIDADE....

Carlos Sherman

The West Wing - Desmascarando a Bíblia

Bill Maher - Heavy Metal do Senhor (LEGENDADO)

Já pensou que...


Estar vivo aqui e agora, neste tempo e lugar, sendo quem você é... Já pensou em como as chances são exíguas? Já pensou que passará? Tão raro, tão improvável, tão forte e lindo, tão frágil... Respire o ar, valorize cada passo... Cada vida merece ser contada como uma saga, mesmo que não haja ninguém para escutar... Não existe como estar certo sobre isso, mas também não existe como estar errado... Afinal, não vamos mesmo a lugar algum, e só o que conta é esta chance que você tem de viver aqui e agora, dignamente... Então viva, não conte passo por passo, ‘ande por onde houver espaço’... Não tenha medo... Faça com que seja bonito, faça do seu jeito... Mesmo que insistam que não, mesmo que sentenciem sua vida aos padrões, mesmo que sugiram o cabresto, mesmo que te ofereçam apenas a cesta básica... Pois diga que não... E que seja o único não... Pois diga que sim... Sempre sim... Não vamos a lugar algum, mas mesmo assim, a viagem é tudo o que temos... Então temos tanto... Ainda estamos vivos... Eu estou... Você está?

Carlos Sherman

Contra o Cinismo


A Relatividade do Erro



Quando as pessoas pensavam que a Terra era plana, estavam erradas. Quando as pessoas pensavam que a Terra era - exatamente - esférica, estavam erradas. Mas, se você considera que ‘pensar que a Terra é esférica é tão errado quanto pensar que a Terra é plana’, então a sua visão está mais errada do que as duas juntas.
Isaac Assimov
(‘A Relatividade do Erro’; 1989)

Existem coisas mais ou menos corretas e mais ou menos verdadeiras... E existe a responsabilidade de acordar e fazer com que as coisas funcionem, e que morramos menos ao nascer, e para que vivamos mais, muito mais... e melhor... E esta responsabilidade, o ato de coragem mais sublime, inclina a uns - mais do que a outros - em direção à REALIDADE, e assim abraçamos o que melhor sabemos, e com acuracidade, e com mais responsabilidade... Para que você possa comunicar-se, precisamos encarar o fato de que a Terra é 'arredondada', e nunca plana, e então assim, podemos escanear sua superfície em busca dos detalhes e em direção à verdade...

Precisamos de homens e não de cínicos...

Carlos Sherman

Pedofilia e Paz

"VENHAM A MIM AS CRIANCINHAS..."


O GLOBO - 29/12/2010

François Houtart, padre conhecido como 'Papa da antiglobalização' e candidato ao Nobel da Paz, ...

RIO - François Houtart, padre belga adepto da teologia da libertação e candidato ao Nobel da Paz este ano, admitiu ter abusado sexualmente de um menor de idade 40 anos atrás, informou nesta quarta-feira a Cetri, organização de caridade que o religioso fundou na década de 70.
O caso veio à tona quando a irmã da vítima iniciou campanha ao saber que Houtart, de 85 anos, era candidato ao Nobel. No início de novembro, o belga, que é conhecido como o "papa da antiglobalização", renunciou ao cargo de diretor da Cetri.
Houtart disse que ele é o acusado identificado como "canônico A", envolvido em uma das 475 denúncias de pedofilia apresentadas em junho por comissão da Igreja Católica da Bélgica para analisar abusos. Ele confessou ter tocado as "partes íntimas" de um menino que identificava como um primo. Ao jornal belga "Le Soir", o padre classificou o ato, ocorrido na casa dos pais da vítima, em Liege, como "irresponsável". A irmã da vítima afirma que o menor foi molestado em duas ocasiões.
O comitê criado para impulsionar a candidatura de Houtart ao Nobel lamentou o ocorrido e disse que "milhares de pessoas" de 74 países participaram da campanha para recolher assinaturas de apoio e reconhecimento ao trabalho de Houtart no movimento de justiça social e antiglobalização.

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/mundo/francois-houtart-padre-conhecido-como-papa-da-antiglobalizacao-candidato-ao-nobel-da-paz-2904370#ixzz2iJbU3hRV 

THE REAL THING (II)


THE REAL THING (I)

Imagem REAL, conforme capturada pelo VLT (Very Large Telescope) do ESO (Europe Southern Laboratory)... O VLT é um telescópio operado pelo ESO em Cerro Paranal, no deserto de Atacama, norte do Chile... É composto por quatro telescópios individuais, cada um com um espelho primário de 8,2 m - geralmente usados separadamente, mas que podem ser usados em conjunto para alcançar altíssima resolução angular... Os telescópios formar uma matriz que é complementado por quatro telescópios auxiliares móveis (ATS) de 1,8 m de abertura...
O VLT opera em comprimentos de onda visíveis e infravermelho... Cada telescópio indivídual pode detectar objetos cerca de quatro mil milhões de vezes mais fracos do que podem ser detectados a olho nu, e quando todos os telescópios são combinados, a instalação pode conseguir uma resolução angular de cerca de 0,001 segundo de arco... Isto é equivalente a cerca de dois metros na distância da Lua - por exemplo... Entre as observações pioneiras realizadas usando o VLT estão a primeira imagem direta de um exoplaneta, o rastreamento de estrelas individuais em movimento ao redor de um buraco negro supermassivo no centro da Via Láctea, e observações da mais distante explosão de raios gama... E deste colossal evento documentado por esta magnífica foto... 100% REAL... Pra quem curte o VALOR DA REALIDADE... Todo o empenho, engenhosidade, criatividade, e sentido de aventura - que capitaneia a Astrofísica...

sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Robert Green Ingersoll, um homem notável...



Frases de Robert Green Ingersoll

[...] A inspiração da Bíblia depende da ignorância da pessoa que a lê.

[...] Por que devo permitir que me diga como criar meus filhos o mesmo deus que teve que afogar os dele? 

[...] Se um Deus bondoso e infinitamente poderoso governa este mundo, como podemos justificar os ciclones, os terremotos, a pestilência e a fome? Como podemos justificar o câncer, os micróbios, a difteria e milhares de outras doenças que atacam durante a infância? Como podemos justificar as bestas selvagens que devoram seres humanos e as serpentes cujas mordidas são letais? Como podemos justificar um mundo onde a vida alimenta-se da vida? Será que os bicos, garras, dentes e presas foram inventados e produzidos pela infinita misericórdia? A bondade infinita deu asas às águias para que suas presas fugazes pudessem ser arrebatadas? A bondade infinita criou os animais de rapina com a intenção de que eles devorassem os fracos e os desamparados? A bondade infinita criou as inumeráveis criaturas inúteis que se reproduzem dentro de outros seres e se alimentam de sua carne? A sabedoria infinita produziu intencionalmente os seres microscópicos que se alimentam do nervo óptico? Pense na idéia de cegar um homem para satisfazer o apetite de um micróbio! Pense na vida alimentando-se da própria vida! Pense nas vítimas! Pense no Niagara de sangue derramando-se no precipício da crueldade! 

[...] Quem poderá imaginar a miséria trazida pela infame doutrina da punição eterna? Pense nas vidas que foram destruídas - nas lágrimas derramadas - na agonia que ela produziu. Pense nos muitos que foram levados à insanidade por esse terrível dogma. Esse dogma faz de deus o mais cruel ser de todo o universo. Não há nada mais degradante que adorar esse deus. 

[...] Tudo que a humanidade sofreu com as guerras, com a pobreza, com a pestilência, com a fome, com o fogo e com o dilúvio, todo o pavor e toda a dor de todas as doenças e de todas as mortes – tudo isso se reduz a nada quando posto lado a lado com as agonias que se destinam às almas perdidas. Este é o consolo da religião cristã. Esta é a justiça de Deus – a misericórdia de Cristo. Este dogma aterrorizante, esta mentira infinita: foi isto que me tornou um implacável inimigo do cristianismo. A verdade é que a crença na danação eterna tem sido o verdadeiro perseguidor. Fundou a Inquisição, forjou as correntes e construiu instrumentos de tortura. Obscureceu a vida de muitos milhões. Tornou o berço tão terrível quanto o caixão. Escravizou nações e derramou o sangue de incontáveis milhares. Sacrificou os melhores, os mais sábios, os mais bravos. Subverteu a noção de justiça, derriscou a compaixão dos corações, transformou homens em demônios e baniu a razão dos cérebros. Como uma serpente peçonhenta, rasteja, sussurra e se insinua em toda crença ortodoxa. Transforma o homem numa eterna vítima e Deus num eterno demônio. É o horror infinito. Cada igreja em que se ensina esta idéia é uma maldição pública. Todo pregador que a difunde é um inimigo da humanidade. Em vão se procuraria uma selvageria mais ignóbil que este dogma cristão. Representa a maldade, o ódio e a vingança sem fim. Nada poderia tornar o inferno pior, exceto a presença de seu criador, Deus. Enquanto estiver vivo, enquanto estiver respirando, negarei esta mentira infinita com toda minha força, a odiarei com cada gota de meu sangue.




terça-feira, 15 de outubro de 2013

As Bactérias e a Vida...



Uma amiga comentou e perguntou:

No consultório dentário hoje, o dentista explicando sobre bactérias comentou que todas tem um proposito e eu o perguntei qual seria o proposito daquelas que nos causam doencas hummmmm ele não soube me responder, rs.
Alguém saberia me explicar qual é a função na natureza (se é que existe) das bactérias e dos vírus que nos causam doenças?

Respondi:

Querida, os micro-organismos chegaram antes dos macro-organismos... Só existimos por meio de bactérias... As 'mitocôndrias' são um tipo de bactéria mutante, diferenciada, e incorporada à estrutura celular, sendo um dos organelos celulares mais importantes à VIDA... A 'respiração' celular de todos os seres vivos dependem desta 'ex-bactéria' que converte a glicose em energia sob a forma de ATP, devolvendo para a célula - sua hospedeira... Isso equivale a dizer que a mitocôndria, uma ex-bactéria, funciona como uma espécia de 'pilha' ou 'bateria' recarregável para todas as células de todos os seres vivos... Isso incluí o nosso sistema nervoso, coração, demais músculos, pulmões etc...

A morte da mitocôndria representa a morte celular - ver 'apoptose'... A mitocôndria tem o seu próprio DNA, o DNAmt ou DNA mitocondrial, e que aponta sempre para a nossa 'mãe', e é por meio deste rastreamento que estudamos nossa descendência até os primórdios da espécie - um prato feito para a Paleontoantropologia e a Genética... Sendo assim, viemos de bactérias... Estamos povoados por elas, e em alguns casos tais 'ecossistemas' entram em colapso, ou recebem a visitas de 'bactérias' alienígenas... 

Mas grande parte dos problemas decorre de questões mal colocadas, este é o caso... As bactérias e vírus estão fazendo o melhor que podem por suas vidas, e lutando pela 'imortalidade'... E todos fazemos parte do Teatro da Vida... Referenciamos o ato de capitular diante de um ou outro tipo de bactéria como patologias - mas sem esquecer de que vivemos por 'obra e graça das bactérias'... Sem bactéria não existiria 'vida celular' e 'vida' inteligente... E sendo assim não haveriam tecidos, e muitos menos 'humanos'... 

Outro importante papel bacterianos é desempenhado pela famosa 'flora bacteriana', e a nossa digestão depende diretamente deste importante papel, o que significa dizer que nos alimentamos para alimentar as nossas bactérias, que por sua vez nos permitem quebrar os alimentos e absorver a parte necessária em nutrientes para 'a nossa vida'...

Por mais incrível que possa parecer, as bactérias estão mais conectadas à vida do que à morte... Muito mais... As bactérias estão na origem da vida, sendo pois condição essencial para a vida complexa existente, e da qual nos originamos também...

Querida, por isso insisto que o problema não é 'que ele não soube responder', mas 'sim' que a questão está mal colocada, não existindo nem resposta e nem questão... Afinal, não precisamos de um 'propósito', lembra??? Somente variabilidade, herança e adaptação... Sem propósitos, sem moral da estória... Simplesmente vida pulsante e ululante, e transbordando...


Carlos Sherman

---------------

Post Script:

Por Jessica S d'Araújo: As bactérias, vírus, fungos são indiferentes ao nosso querer ou não, eles existem muito antes de sonharmos em existir. Pense assim, nos comemos boi e peixes, qual nossa função na natureza em comer boi e peixe? Logo que fazemos mal ao boi e peixe. rsrs...

Por William Souza Bernardes: No fim das contas, a vida é uma simbiose. Muito bem colocado Carlos Leger Sherman Palmer... outro exemplo de ex-bactéria (parafraseando meu coligado Sherman) seria o cloroplastos. As cianobactérias foram as primeiras formas de vida no planeta, rudes em sua forma, mas ao mesmo tempo as mais adaptadas, permitindo-as se diversificarem no decorrer do tempo, e explodir nessa variedade de vida que hoje conhecemos. Essas cianobactérias, vivendo no primórdio em simbiose com as primeiras células eucariotas que surgiram no planeta, evoluíram para o atual e conhecido cloroplasto. Enquanto cianobactéria, e vivendo no cerne dessas novas células chamadas de eucariotas (sendo estas produto evolutivo das primeiras células que surgiram no planeta, células procariotas), foi evoluindo e se transformou em uma organela das células eucariotas, (o intitulado cloroplasto) deixando por fim de ser uma relação simbiótica. Em decorrência dessas evoluções, toda a atmosfera foi transmutada, tornando-se muito mais hospitaleira. Hoje a camada de ozônio que nos protege e o oxigênio que nós respiramos, são em sua integridade dejetos desses seres.


Marcelo Gleiser explica o Bóson de Higgs ou partícula de Deus - Canal Li...

Canal Livre Debate a Partícula-Deus - Parte 4-4 (+playlist)

Canal Livre Debate a Partícula-Deus - Parte 1-4

segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Jeremiah Camara - O Livro da Morte (LEGENDADO) (+playlist)

Neil deGrasse Tyson e Neil Gaiman - Ciência vs. Religião e O Deus das La...

Um Mentiroso Honesto - A História do Incrível Randi (LEGENDADO) (+playlist)

Silêncio na Casa de Deus (Mea Maxima Culpa) - Parte 1-6 (LEGENDADO) (+pl...

‘POR FORA DO CÉREBRO’ E BEM LONGE DA REALIDADE...




‘POR FORA DO CÉREBRO’ E BEM LONGE DA REALIDADE...

Eu já conhecia este power-point piegas, superficial e pseudo-científico, atribuído ao neurocirurgião Paulo Niemeyer; e intitulado falaciosamente de ‘Por dentro do cérebro’... Na verdade esta coleção de mensagens de auto-ajuda deveria ser chamada de ‘Por fora do cérebro – e bem longe da realidade’... Um neurocirurgião não é mais do que um ‘cirurgião’, um ‘técnico’ que executa procedimentos previamente definidos... Nenhum argumento é apresentado por Niemeyer para sustentar vagas alusões à alma e deus... Somente conjecturas pessoais, vagas e vazias – além de inverossímeis... Na verdade Niemeyer não diz nem que ‘sim’ e nem que ‘não’... Sobre almas alega que ‘estão no cérebro’, e quando o cérebro está sem vida observa-se que parece estar sem alma... E não fala nada sobre sobrevida da alma, e é vago sobre a existência de deuses:

Geralmente depois de dez horas de cirurgia, aquele estresse, aquela adrenalina toda, quando você acaba de operar, vai até a família [do paciente] e diz: “Ele está salvo”. Aí, a família olha pra você e diz: ‘Graças a Deus!’ Então, a gente acredita que não fomos apenas nós.”

Isso não explica nada, e na realidade Paulo não explica porque algumas cirurgias dão ERRADO, e a pessoas fica definitivamente incapaz ou simplesmente morre... Então, utilizando o mesmo raciocínio ‘a gente acredita que não fomos apenas nós’, que matamos o paciente... Niemeyer deveria saber, que estudos após estudos comprovaram não haver relação entre reza e a melhora do paciente, e na verdade ocorre – pelo stress – uma certa PIORA... Niemeyer deveria saber e informar que quando perdemos uma parte do cérebro perdemos as funções relativas a esta parte, e se perdemos outra, outras funções se apagam ou se vão, e assim sucessivamente... De forma que morrer é ‘claramente’ danificar a coisa toda... Isso é Neurociência Básica... Niemeyer é um irresponsável, ou padece dos necessário problemas neurais, que subjulgam pessoas inteligentes a coisas assustadoramente irracionais - problemas nos lobos temporais e parietais, córtex cingulado, etc... como no caso da Epilepsia e da Esquizofrenia...

Por que igrejas tem para-raios, seguro contra incêndio e roubo??? Por que o papa tem o maior aparato de segurança pessoal do planeta, e por que utiliza carros blindados??? Por que quanto mais crente é um país mais mortes ao nascer, menos expectativa de vida, mais fome, violência e desigualdades??? Por que crentes vivem menos do que descrentes e em piores condições??? Por que países majoritariamente descrentes são mais solidários??? Por que,  desde o homem de Cro-magnon até o fim da Idade Média – 50.000 anos -, vivemos até os 30-40 anos em média, e com o advento da Ciência duplicamos a expectativa de vida e apenas 250 anos... E em 150 anos quintuplicamos a população do planeta??? Por que diminuímos em 100 vezes a violência e morremos 40 vezes menos ao nascer???

Por que Niemeyer??? Por que a esmagadora maioria dos ganhadores do Prêmio Nobel, e a quase totalidade de seus colegas pensa diferentemente de vocês sobre deuses... E aliás tratam de estudar o fenômenos, que sabidamente tem causas evolutivas, e ‘bugs’ em nosso cérebro animal, imperfeito... Que não somos a imagem e semelhança de nenhum dentre milhares de deuses ativos e inativos no planeta... E finalmente Niemeyer responda-me:

Por que deus opera mais milagres, muitos mais, no Sírio-Libanês e no Albert Einstein???
O que deus tem – rigorosamente - contra o SUS e contra os pobres???

Niemeyer não é ‘Neurocientista’, e não estuda o funcionamento do cérebro, e deve ser por isso que anda na contramão de toda a Neurociência do planeta, e na contra via dos maiores nomes que versaram sobre o assunto desde Santiago de Cajal (Nobel), Penfield (Nobel), além de monstros consagrados como como Oliver Sacks, Antônio Damásio, Ramachandran, Nicolelis, Steven Pinker, Daniel Dennett, Eric Kandel (Nobel Neurofisiologia) etc... e de homens sérios e estudiosos como Sagan, Dawkins, Drauzio Varella, que riram disso tudo – para não chorar... E mais, este não é o primeiro e nem será o último homem relativamente racional, inteligente, e sobretudo ‘famoso’, a acreditar em besteiras homéricas - no terceiro milênio... Outro ‘neurocirurgião’ escreveu sobre suas experiências místicas e foi desbancado por seus companheiros, mas foi parar no fantástico... Adverti:

O Fantástico exibirá uma matéria sobre 'vida após a morte', e enfocando o tema com o caso do mega-picareta e neurocirurgião, e que está vendendo muitos livros sobre sua experiência de 'quase morte' - embora ele considere que tenha morrido, e ressuscitado... Mas o fanfarrão não fica só nisso, ele escreve um livro inteiro sobre esta baboseira, já velha conhecida da Neurociência, deste a década de 60, a APOXIA, e os efeitos decorrentes... Eben vai longe, e faz pregação, fala em demônios, paraíso, e se mete no espaço, na física quântica, sempre divagando feio... Fiquei chocado com esta nova 'onda', e desde já faço a advertência... O nome do picareta, meso alucinado, meso espertalhão, é o Dr. Eben Alexander, e o seu livro se chama "Proof of Heaven: A Neurosurgeon's Journey into the Afterlife" - ou seja, Provas da Existência do Paraíso: A Jornada de um Neurocirurgião na Vida Após a Morte.... O grande e sério Oliver Sacks refutou esta sandice, e publiquei suas refutações em meu blog, assim como Sam Harris e toda a comunidade científica, que foram tomados de assalto por este picareta que ousa frisar: "A Jornada de um Neurocirurgião...", como se a Neurologia endossasse toda esta palhaçada... O cara está faturando alto... Eben Alexander mais um doente ambicioso à solta, e um rebanho de ovelhas vulneráveis e assustadas, esperando pela boa nova... Triste destino...

Niemeyer não endossa abertamente o tema de vida ‘após a vida’, e nem de almas, e nem de deuses... Sai pela tangente aqui e ali... Mas o que Niemeyer, se fosse um homem sério, deveria haver explicado é que:

Os Cinco Princípios que regem a Ciência da Mente, ou Neurociência: 1. A mente e o cérebro são inseparáveis - sendo o cérebro um órgão biológico e complexo, com grande capacidade de processamento, onde codificamos ou decodificamos nossa experiência cognitiva e sensorial... O cérebro não é responsável apenas por nossa motricidade, e por nossas funções fisiológicas, o cérebro é responsável pelos processos complexos caracterizados como a 'quintessência do ser humano, como pensar, falar, criar obras de arte' (Kandel, 2009); e SER... 2. Cada função mental no cérebro está associada à circuitos neurais especializados em diferente áreas do cérebro - o cérebro está portanto dividido em áreas funcionais... 3. Toda a atividade neural, em última análise, depende das mesmas unidades elementares, as células nervosas... 4. A atividade neural depende de moléculas bioquímicas para a conexão entre as células nervosas... 5. O cérebro é a prova viva da Evolução - as células nervosas estavam presentes em nossos ancestrais evolutivos mais antigos e mais humildes, e podem ser encontrada ainda hoje mesmo em nossos parentes mais distantes e primitivos como as bactérias e leveduras, vermes, moscas, lesmas - que empregam as mesmas unidades moleculares para efetuarem suas manobras e processos vitais, que nós que nós empregamos para governar nossa vida diária, e executarmos os estratagemas que nos reconciliam com o meio ambiente... 
A Neurociência apoia a Evolução, a Biologia da Vida, e presta um serviço fundamental à revisão de toda a Filosofia do Comportamento Humano... Nas palavras mais do que proféticas de Darwin - posto que só se atreveu a pronunciá-las diante de evidência, depois provas e por fim fatos:

"A nossa inteligência difere dos demais animais apenas em grau, e não em tipo"...

A Ciência da Mente será tão importante para o Século XXI quando a Ciência do Gene foi para o Século XX... Parafraseando Shermer, invertendo e subvertendo Descartes:

Sum ergo cogito... Existo, logo penso...

Melhor seria dizer:

‘Penso, logo DEVERIA pensar’...

Mas não é o que se vê por aí...
Inventamos a ciência para testar a nossa lucidez, de forma que os truques precisarão ser ainda mais sórdidos e desonestos... Já foram infantis, tragicamente infantis, agora temos este tipo de picareta pseudo-científico... A lucidez avança, os charlatões precisarão de mais recursos.... Na verdade a biologia da crença decorre do próprio processo evolucionário, ou seja, existe uma distribuição genética para a obsessão pelo sobrenatural... Entre outros vetores igualmente inatos, reforçados pela cultura... Mas o cenário está mudando, vertiginosamente... A descrença habita os países com maior qualidade de vida, e mais solidários, e é majoritária... Somamos 18% do planeta, e se fossemos uma religião, seríamos a terceira religião do planeta... Estamos mudando rapidamente, e este paradigma será superado... Não para eliminar a crenças, posto que é biológica em grande medido, mas para reduzi-la a parâmetros aceitáveis... Contamos 20% de pessoas altamente sugestionáveis, e 20% impossíveis de enrolar, rsrsrs, com 60% flutuante, em cuja magia só operará em certas circunstância, e dependendo do mago e do truque... Essa parcela da população mundial está migrando para a descrença, ao mesmo tempo que uma parte migra para o fanatismo... Antevejo certa polarização... Estive em alguns países do Oriente Médio, Ásia, como por exemplo o Irã e o Paquistão, para denotar a tecnologia do terceiro milênio, em contraste com hábitos da Idade do Ferro... Mas somente 20% dos iranianos apoiam o regime... Estão oprimidos... Não façam parte desta horda desinformada, um rebanho patético, cego...

Mas qual seria o deus de Niemeyer??? O deus cristão??? Aquele que chama leprosos de imundos, sugere que apedrejemos nossos filhos rebeldes, matemos casais inter-raciais e homossexuais??? Que assassina 2,5 milhões na bíblia??? Despedaça 42 crianças por chamarem um homem de careca??? Este seria o deus de Niemeyer??? Que virá para passar o rodo no humanicídio do apocalipse??? Este é o deus de Niemeyer??? Ou será alguma figura difusa, pessoal, inventada de forma oportunista e adequada??? Um deus nos moldes cristãos mas que não mata tanto??? Então Niemeyer está diante do famoso DESVIO COGNITIVO DE CONFIRMAÇÃO, velho conhecido da Neurociência... Ou seja, se deu certo ‘foi deus’, se não, foram os homens... Foi o ‘livre-arbítrio’ - que a Neurociência também condena...

Seria uma boa ideia, por CRENÇA, adicionar o Vibrio cholerae – bactéria causadora da Cólera – em nossos mananciais e rios??? Acho que não, cientificamente falando... Porque sei do sofrimento que será deflagrado, pelo conhecimento da Medicina, e conheço as causas, pela Biologia... Mas os supersticiosos chineses, em sua epidemia de Cólera em 1822, insistiam em enterrar seus mortos ‘de Cólera’ à beiras dos rios, ‘afinal os espíritos dos mortos precisavam beber água’... Não é necessário explicar o destino de tais crendices: MORTE... Muitas mais...

As abluções rituais - ‘espirituais e religiosas’ - com água do Rio Ganges são um importante foco de epidemias de Cólera na Índia... Curiosamente, os portadores do gene da Fibrose Cística - uma doença hereditária, grave, que afeta todo o organismo, causando deficiências progressivas e, frequentemente, levando à morte prematura - são parcialmente resistentes aos efeitos da Cólera... Não é por acaso, e a Ciência explica, que esta terrível doença tem a sua disseminação genética em uma frequência muito maior na Índia do que no resto do mundo... Se pudéssemos ensinar um pouco de Ciência em lugar de crendices populares na Índia, menos pessoas sofreriam...

Cientificamente, também podemos desmistificar tabus ideológico e religiosos, ao rastrear a ‘peregrinação’ deste flagelo durante o século XIX, infestando e infectando populações em vários continentes... De forma que não adianta rezar pela cura da Cólera, se o maior foco causador tem sido ‘rezar no Ganges’... Cientificamente, e com o objetivo de ajudar a Humanidade, temos acompanhado o formidável trajeto do bacilo pelo Mapa Mundi, como em uma aula de Geopolítica... Espalhando pelos mares interiores e oceânicos, o vibrião colérico viajou em navios, do Golfo de Bengala em direção sudoeste, para as paradisíacas regiões costeiras da Indonésia e da Indochina, e daí para o norte, alcançando a China e o Japão em 1822... Em outra excursão, o vibrião viajou pelo Mar da Arábia até Mascate, nas portas do Golfo Pérsico... Pegou carona com urna força expedicionária inglesa, em 1821 p incumbida de estancar o tráfico de escravos -, e se propagou para o Sul, diretamente para o Continente Africano, seguindo as vias do tráfico... O vibrião ‘viajandão’, estendeu o seu passeio a noroeste, visitando o Iraque, o Irã, a Síria, a Turquia e a Rússia, através do Mar Cáspio... Em 1830, o vibrião novamente saiu em excursão, tendo como ponto de partida – claro –as águas ‘sagradas’ do Ganges... Desta vez, devido a campanhas militares, o vibrião resolver visitar a Europa, pelo Báltico e pelo Mar do Norte, chegando ao Big Bem... Em 1832, a epidemia alastrou-se para a Irlanda, de onde as correntes migratórias rumavam para a América do Norte, e o bacilo passou pela imigração americana... Ainda em 1832 a epidemia alastrou a América do Norte, do Canadá ao México... E em 1833 a epidemia estreava na ‘globalização’... Onde estava deus neste tabuleiro... Estamos falando das regiões mais crentes do Globo -  e que são as menos higiênicas...

Rezas e lágrimas não foram capazes de conter o vibrião, e somente por meio da Ciência e seus novos padrões sanitários, fomos capazes de deter a pandemia... Somente com a descontaminação da água e canalização dos esgotos, além de muita investigação Biológica, é que foi possível estudar a relação entre o  microrganismo e seu hospedeiro, deflagrando um árduo processo de educação na Ásia, com destaque para a esotérica e crente Índia, e a não menos supersticiosa China... O Brasil não tardaria a ser visitado pelo bacilo, mas médicos ‘crentes’ como José Pereira Rego, acreditavam que o calor - a proximidade do Equador - defenderia as cidades da infestação pela Cólera, o que ironicamente lembrava a crença corrente na época dos grandes descobrimentos, segundo a qual os bons ares, o "saudável temperamento da terra", seriam a garantia de imunidade contra as pestilências que grassavam ao norte do Equador... Ledo engano, o Brasil Católico e de ‘Todos os Santos’, veria as suas vagas esperanças de imunidade minguarem em poucos anos...

ESTUDEM... Não publiquem apenas ‘power-points’ superficiais e de auto-ajuda, escritos por quem quer que seja, apenas para endossar vossas crendices... Estudem... É importante argumentar estando ‘por dentro do cérebro’... Posso indicar as melhores obras para aqueles que realmente pretendem realmente ficar POR DENTRO DO CÉREBRO: 'Os Fantasmas no Cérebro' (V.S. Ramachandram), 'Quebrando o Encanto' (Daniel Dennett), 'O que nos faz humanos' (Matt Ridley), 'Um Antropólogo em Marte' (Oliver Sacks), 'Em Busca da Memória' (Eric Kandel), 'Um Mundo Assombrado por Demônios' (Carl Sagan), 'Deus Um Delírio' (Richard Dawkins), 'E o Cérebro Criou o Homem' (Antonio Damásio), 'Por que Acreditamos em Coisas Estranhas' (Michael Shermer), 'Truques da Mente' (Stephen Macknik, Susana Martinez-Conde), 'O Cérebro Imperfeito' (Dean Buonimano), 'Como a Mente Finciona' e 'Tabula Rasa' (Steven Pinker)...

[...] se algo de bom acontece a um cristão, ou ele sente uma felicidade enquanto orava, ou se vê alguma mudança positiva na sua vida, nos dizem que Deus é bom. Mas quando crianças são arrancadas dos braços de seus pais em morrem afogada - Tsunami no Japão -, ou quando 9 milhões de crianças - menores do que 5 anos - morrem de fome por ano, nos dizem que Deus é misterioso. É ASSIM QUE SE JOGA TÊNIS SEM REDE [grifo meu]. E eu quero sugerir a vocês, que isso não é só incômodo; na verdade quando pessoas inteligentes falam desta forma isso é IMORAL.
Sam Harris

Temos ainda, uma tendência a preferir o que é 'espetaculoso' - não confundir com espetacular... A vida e a realidade são espetaculares... A Realidade é a droga mais forte que existe, e não entendo porque as pessoas fogem para drogas menores, cocaína, religião, espiritismo, psicanálise... O real é muito melhor... Incomparável... Você pode entender a Genética, a Neurociência e a Astrofísica... Está ao seu alcance... Não é tão complexo quanto parece, e hoje existe ampla literatura 'séria' com linguagem acessível... Tudo isso responde ao nosso medo da morte... E assim, desprezamos o corpo, desprezamos a vida REAL, imersos em um mundo fantasmagórico e triste... FIAT LUX... Somos apenas, e tão somente - parafraseando Nietzsche - humanos, demasiado humano... Frágeis, irremediavelmente mortais, e ainda assim, maravilhosos...

Uma questão é ‘saber como’ e outra é ‘saber porque’.. Acontece que quando entendemos mais e mais sobre ‘como as coisas realmente são’, e como o Universo realmente é, também descobrimos que não existe um 'porque', onde reina a aleatoriedade... Mas a arrogância solipsista insiste, então examinemos a questão, a partir das seguintes premissas ou argumentos:

- O cérebro humano, nos disse Darwin - confirmado pela Fisiologia -, difere dos demais animais em grau, e não em tipo... O cérebro humano tem sido estudado com inegável profundidade a partir de outros cérebros, de outros animais, ou de seres bem menos complexos, como o camarão de água doce, cujos neurônios foram estudados com sucesso por Erick Kandel para determinar – e levar o Nobel – como a memória humana funciona... Estamos sujeitos à ‘bugs’, diversos, frequentes, assim como ilusões, delírios, e alucinações - como diagnosticado pela Neurologia e pelo gigantesco trabalho de Oliver Sacks... O cérebro humano está longe de ser perfeito, e ‘crer’ no contrário, vigorosamente, costuma estar associado à problemas nos lobos temporais, relativos em certo grau à epilepsia...

- Se existe um ‘propósito’ de deus para o Universo, certamente não trabalha à nosso favor; e isso porque durante a estória do Universo estivemos ausente durante 99,9999% do tempo... Estranho, certo??? Muito...

-  De forma que, se este hipotético propósito para o Universo incluísse, com certo destaque, à nós, os seres humanos, deus, e o seu processo criativo, demonstraram estupenda ineficiência; o que questiona severamente a certeza de que ‘tal propósito’ seja realmente ‘bem elaborado’...

- Vejamos: somos criados, segundo determinada ‘tradição’ religiosa bastante numerosa, para a glória ao lado de deus... Mas o primeiro ser humano criado, e de entrada, desobedece o raivoso e vingativo criador, que também é bom e generoso (?), é ameaçado de morte por seu criador 'onipotente', mas não é executado... Deus espera por  bilhões de anos, capricha no projeto e: ‘malditos humanos' - soa como 'malditos ianques'...

- O seu primeiro homem dá errado e, segundo ele e suas ‘escrituras’, porque este homem pretendia discernir entre o bem e o mal... Um grande problema, não acham??? Um grande problema com este deus, com este propósito, com esta fábula... Um deus desejoso de nossa plena ignorância, afinal nos planejou como um mamíferos com cérebro equivalente de uma 'giárdia', assexuado, sem volição, bobo, sem discernimento, e apenas ‘vegetando’ no 'paraíso' - por toda a eternidade...

- Nem maçã, nem pecado original... Isso tudo vem depois com o bitolado ‘santo agostinho’, no século IV... Bom, mas já que deu errado, então deus decide deixar rolar... E o primeiro casal dá origem à primeira versão de humanidade, considerando que só havia uma mulher - a fogosa Eva -, e a suruba deve ter sido boa nesta família... Um belo plano divino... Então os filhos de Adão faturam a mãe e as irmãs, e o pai também tira a sua casquinha das filhas, em 930 anos de orgia - afinal ‘crescei e multiplicai’, e ninguém é de ferro...

- Depois de conformada a humanidade, este deus inteligente e cheio de propósitos, além de inegável amor, decide afogar à todos, homens, mulheres, crianças, etc e tal; salvando apenas uma família, além de pares de animais que não chegam nem perto do número de espécies existentes assim como as extintas... E este deus, em seu magnífico propósito, tem uma preferência especial por besouros e um ódio mortal por dinossauros...

- Então, sem explicar de onde vieram as espécie que efetivamente não couberam no barquinho que singrava os mares - contrariando todo o ecossistema terrestre, além de seu balanço de massa e energia - entre os corpos boiando no primeiro humanicídio bíblico, recomeçamos tudo de novo, e a suruba rolou solta na família de Noé...

- Mas este deus não chegava nunca ao seu ‘propósito’, apesar de ser onisciente, onipresente, e onipotente - oni-o-escambal-de-madureira... e então foi necessário matar cerca de 2,5 milhões de pessoas no seu diário: a Bíblia... E assim como o psicótico e assassino Guevara, o seu diário estava cheio de 'propósito' - embora não conste nenhuma motocicleta...

- Este deus de amor, em seu nobre propósito nos ensinou como tratar de filhos rebeldes, apedrejando-os até a morte, enquanto nos brindava a linda estorinha dos meninos travessos que chamaram um homem de careca, ao que deus lhes enviou duas ursas, dando-lhes uma inesquecível e terminal lição – 42 corpos despedaçados... Deus nos mostrou que leprosos são imundos, que homoafetivos devem ser mortos, e que deficientes físicos são párias da sociedade, além das sábias lições de que doenças decorrem inequivocamente de possessão demoníaca - todas elas... Ordenou que os homens provassem o seu amor por ele matando os seus irmãos e seus melhores amigos - 3.000 mil cadáveres... Nos explicou também como a mulher é inferior e indesejável, avisando-nos que somente os que não se contaminaram com estas 'pestes' - que quando nascem são sinônimos de impureza - serão salvos... Mas isso se além de virgens não houverem cortados as costeletas e feito  abarba... Mas ainda assim, como todas esta lições de amor, não fomos capazes de entender nada... nada... Continuamos sem entender o seu ‘propósito’...

- Então deus arriscou tudo, mandou seu filho para fazer alguns truques, andar sobre as águas e transformar água e vinho em uma festa privada, e salvar os ‘homens’, sofrendo como outros 200.000 sofreram nas mãos dos romanos, sendo pois imolado na cruz... Um feito bastante coerente para uma lição de amor 'divinal', afinal o propósito parece claro: homens ignorantes e desobedientes só podem aprender o propósito de deus, além de todas as lições bíblicas acima citadas, com mais sangue, e desta vez com o seu corajoso filho - que também é ele mesmo - sendo assassinado... E isso conscientemente, de forma que existem aspectos que denotam uma missão suicida... Mais um sacrifício de sangue...  Como podem ser tão cegos??? Tudo tão claro...

- Finalmente, e depois de todos estes vastos ensinamentos,  deus, em toda a sua misericórdia só vê uma saída para o fracasso da ‘humanidade’ - afinal, apesar de controlar tudo que parecia funcionar, os pecados e as coisas erradas eram controlados pelos homens -, passá-los no fio da espada, além de indizível tortura... E o seu filho zumbi, exemplo de amor ao próximo, foi diretamente encarregado da missão... Esta verdadeira 'Jihad' foi também o segundo humanicídio bíblico, e foi prometida para ‘breve’ - mas tem sido adiada para a nossa fortuna por 2.000 longos anos...

- Deus caprichou na antecedência, em relação ao seu 'propósito', criando a vida na terra há 3,5 bilhões de anos, e tornando tal habitat impossível para a vida humana durante todo este período, com constantes ataques de asteroides, atmosfera venenosa, vulcões, terremotos, tissunamis, tornados, furacões inimagináveis, para finalmente acalmar tudo, há 100.000 anos, e só então criar o homem... Haja ensaio...

- Durante todo este infindável período de testes, e rigorosamente dentro dos 'propósitos' de deus, a vida foi generosamente concedida, e em seguida extinta, para 99,9% das espécies... De forma que o contingente de espécies criadas e que sobrevivem até os nossos dias é de apenas 0.01%... Ainda temos o problema do espaço na arca, e ainda temos o problema do amor pelos besouros e o ódio pelos dinossauros... Qual o propósito???

- Se você é religioso deve considerar que o seu deus fez o universo para você, o que parece pouco plausível, já que não vivemos sem muita ciência fora da atmosfera terrestre, e sendo a maior parte do planeta, naturalmente, inóspita à vida humana, o que inclui os mares, os desertos, montanhas e a Sibéria... Tente viver nestes ecossistemas sem muita engenhosidade, apesar do o corpinho que deus lhe deu...

- Mas se você fosse uma dentre quase um bilhão de bactérias que habitam o seu intestino, talvez pudesse acreditar que deus, um deus bacteriológico, fez o mundo pra você – ou para 'ela' -, um perfeito e escuro ambiente anaeróbico, idílico em termos de substância fecal...

- Mas o mais interessante em nossa saga até aqui é que tudo já estava planejado pela 'onisciência' de deus, sendo portando um mero drama teatral, por vezes circense, quase sempre trágico, com papéis bem definidos para todos, como bem entenderam Lutero e sobretudo Calvino - agostinianicamente... Tudo estava finamente planejado, começou, meio e fim...

Sendo assim, argumentos postos, cartas sobre a mesa, abertas - e admito que com certa ironia, dado ao absurdo do caso -, podemos concluir por um 'reductio ad absurdum'; e isso porque a encenação do drama e do 'propósito' teísta se auto-contradiz, ou paira no vazio, e portanto também requer um 'propósito' para ter - 'sequer' - sido encenada... Explico: por que um ser ou entidade - seja lá o que isso for - de inigualável poder, causa de si mesma, onisciente, encenaria um drama conhecendo o seu desfecho, em um lapso de tempo diante da temporalidade universal, o que seria menos do que um átimo diante da eternidade, criando e destruindo seres 'pecaminosos', 'debilitados', e sobre os quais este deus não conhece o destino, mas também exerce poder inescapável??? Seja lá qual for o propósito que um crente, de qualquer facção, reconheça ou atribua à tudo isso, ainda persistirá, e sempre, a indagação: 'Mas por quê??? Qual o propósito de tudo isso??? Qual o propósito do propósito???'...

E insisto, notando ainda que a existência de deus, e dos deuses, é comumente justificada pela: (1) necessidade de uma causa para tudo, sendo esta causa deus; (2) mas sendo este deus dispensado de causas, sendo pois causa de si mesmo - 'causa sui' -; o que logicamente constitui falácia ao contrariar a primeira premissa...

"A tentativa de legislar sobre o universo por meio [da autoridade e] de princípios a priori [deuses] sucumbiu." - Bertrand Russell

Endereçando a verdade vos digo que, na ausência da ignorância e do vago solipsismo humano, o Universo se parece, conforme aprofundamos a observação imparcial e honesta,  mais e mais aleatório, e por conseguinte, sem propósito algum... Podemos supor, diante de nossa ignorância sobre a aleatoriedade dos fenômenos que o Universo ‘conspira a nosso favor’, mas não sem uma boa dose de condescendência com tudo o que ‘aleatoriamente’ dá errado...

Um terremoto destrói o Haiti, uma maternidade é soterrada, centenas de mortos, dezenas de crianças, e uma mulher sobrevive: MILAGRE!!! Doze homens são soterrados em uma mina no Chile... Ouvem-se vozes, estão vivos: MILAGRE... Mais tarde descobrimos que apenas um dentre os 12 mineiros sobreviveu: milagre...

A lucidez, invocada e testada pela ciência, nos permite considerar, com elevada chance de sermos plenamente felizes no juízo, que absolutamente nada corrobora a intencionalidade do Universo e a existência de seu respectivo criador e legislador, senão pela ignorância, insanidade ou medo... ou intenção de dolo...

A ausência de provas não é prova da ausência, e muito menos da existência...

Os argumentos contra a existência de 'propósitos' para o universo são vastos e fortes... Comece por estudar sobre o Universo... E não existem argumentos em favor de 'propósitos' que não contenham erro, fraude, falsidade... Nenhuma comprovação, nenhuma pista, nada... O Universo e a vidas, estão sulcados pela aleatoriedade, quer você goste ou não... Você pode inventar uma opinião, mas não pode inventar os fatos; não impunemente... Afinal, quem nada sabe, em tudo crê... e o que pode ser aceito sem provas, pode, e deve, ser descartado sem maiores constrangimentos... E tenho dito...

Observe e maravilhe-se com o Universo como ele realmente é... Considere a aterrorizante possibilidade de que não haja nenhuma afinidade entre o seu pensamento e a realidade... Considere a possibilidade do desperdício de sua vida... Deus é um argumento 'auto-contraditório'... Pode tranquilizar mas não liberta... Nas célebres palavras de Cornelius Tácitus:

Tranquilitas non Libertas...

Eu agregaria:

Tranquilitas non Veritas...


Carlos Sherman